Você esta em:
Home » Destaque » Evento sobre a Amazônia reuniu pesquisadores no Museu do Amanhã
Publicado em: 04-10-2018

Evento sobre a Amazônia reuniu pesquisadores no Museu do Amanhã



por Centro de Ciência do Sistema Terrestre | CCST-INPE

O Amazônia em Foco: a floresta do hoje e de Amanhã aconteceu no dia 02 de agosto, no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, e reuniu cientistas referências no assunto que conversaram sobre o bioma e expandiram o tema para a sociedade. O encontro proporcionou mesas redondas para debates, acesso a exposições sobre a região amazônica e o lançamento de um documentário e de um vídeo VR (Virtual Reality), este último com o objetivo de fazer com que o público mergulhasse na realidade amazônica.

Jean Ometto, pesquisador e coordenador do Centro de Ciência do Sistema Terrestre (CCST|INPE), se apresentou na abertura do evento e fez parte do documentário “Amazônia Climática”, juntamente com Peter Toledo, também do CCST, e ainda outros pesquisadores do INPE e de outras instituições. O documentário foi desenvolvido por meio de parcerias e no âmbito do projeto Monitoramento Ambiental por Satélite do Bioma Amazônia e do subprojeto Melhoria dos Métodos de Estimativa de Biomassa e de Modelos de Estimativa de Emissões por Mudança de Uso da Terra (CCST|INPE).  “Vejo este filme como uma oportunidade à sociedade de explorar, de outra forma, a temática explorada no evento do Museu do Amanhã”, diz Jean.

Sobre o encontro, Jean pontua que “foi um evento que buscou trazer diversas leituras sobre a floresta, e região amazônica, sob a ótica de representantes indígenas, cientistas, pessoas do terceiro setor, de comunicação e representante de financiamento ao desenvolvimento”.

Com toda essa troca de ideias e conhecimentos, foi possível tratar do assunto de uma maneira mais acessível com a própria sociedade. Um dos desafios de aproximar o tema da população é justamente fazer as pessoas entenderem, com uma linguagem simples, o quanto cada um faz parte não só dos problemas, mas principalmente das soluções. “Esta é a tônica de uma relação construtiva e instrumental na mudança das trajetórias de desenvolvimento social no país, incluindo em seu âmago uma relação de respeito e de troca com o meio”, fala Jean.

Eventos como esse colaboram para a abrangência do tema e para a inserção da questão do meio ambiente na vida das pessoas, podendo auxiliar também nas pequenas decisões, as quais, em conjunto, podem surtir grandes resultados. “A conjugação dessa temática às questões sociais, centrais ao bem estar humano, fará com que os problemas ambientais a serem enfrentados se componham como elemento orgânico ao dia a dia das pessoas. Aí a sociedade faz a diferença”, reflete o pesquisador.

Sobre a participação no evento, Jean avalia que “foi uma experiência sensacional, única e muito gratificante. A resposta do público e dos participantes das mesas de debate foi super positiva” e que construir “um espaço criativo para que a troca de informações ocorra é essencial – o Museu do Amanha é um exemplo disso, mas podemos também vislumbrar esse espaço em nosso Centro”. Ele ressalta, ainda, a importância de realizar mais ações como essa, porém apresentando à sociedade os resultados e oportunidades de maneira clara.

Confira o documentário Amazônia Climática.

(Foto da chamada: Reprodução/iStock.com)